Bem-vindo ao
seu laboratório
Até a vacina chegar a todos, um possível tratamento?
10/02/2021
Investigadores do Departamento de Microbiologia da Escola de Medicina Icahn em Nova Iorque publicaram no dia 25-01-2021 um artigo na revista Science, no qual apontam a plitidepsina, fármaco usado no tratamento do mieloma múltiplo, como potencial candidato no tratamento da COVID-19.

Os padrões atuais no tratamento de doentes COVID incluem a oxigenoterapia e a ventilação, assim como o uso do antiviral Remdesivir e do anti-inflamatório, Dexametasona. O Remdesivir e a Dexametasona foram aprovados para uso de emergência pelas agências reguladoras, mas o remdesivir em particular mostrou eficácia limitada, e a Dexametasona é um esteroide que não actua directamente na inibição da replicação viral. Existe assim uma necessidade permanente de desenvolvimento ou reaproveitamento de medicamentos antivirais para o tratamento da COVID-19.

A plitidepsina passou com sucesso as fases I e II dos ensaios clínicos para o tratamento de COVID-19, encontrando-se actualmente na fase III.

Os resultados do estudo revelam que o tratamento com plitidepsina pode reduzir a replicação de SARS-CoV-2 e reduzir a inflamação pulmonar in vivo, tendo ainda potencial significativo para ter eficácia clínica no tratamento da COVID-19, além de oferecer proteção contra mutantes virais de ocorrência natural, como a variante recentemente descoberta no Reino-Unido.

Os autores concluem que face aos resultados preliminares positivos, a plitidepsina deve ser seriamente considerada para ensaios clínicos em maior escala para o tratamento da COVID-19
Até a vacina chegar a todos, um possível tratamento?
Morada
Rua Álvares Cabral, 77 R/C
4400-017 Vila Nova de Gaia
Portugal

geral@lacgaia.pt
+351 223 752 698
Horário
Segunda a Sexta-feira
7:30h - 18:30h

Sábado
8:30h - 12:00h
Laboratório licenciado
Licença nº4/2006